Nada a lhe oferecer

O único sentimento que existe em mim é de tristeza; me desculpe a indelicadeza, mas não venha procurar amor onde não há.

Há tantos anos vivo assim, nem lembro-me de como é ser feliz, não tenho nada a lhe oferecer.

Sei que as vezes pareço indelicado, mas já fiz tantos estragos, que não me permito aprender a amar, e muito menos ser amado.

Anúncios

Amor sigilo

IMG_20190419_182453

Vivo a te observar, porque há em mim um amor sigilo, que me causa tristeza, já tentei te esquecer, mas vós não saí da minha cabeça, do meu coração.

Sei que por parte sou culpado, fiquei apaixonado, por um amor que não me convém. Estou te amando as escondidas, e isso causa feridas, mas não consigo renunciar.

Fui tão estulto e inculpado, que fiquei apaixonado só por causa de um olhar; parece loucura, de fato, estou louco, louco de amor, que junto trouxe dor… Nada é perfeito.

Há felicidade

“Doce vida. Amargo amor.
Amarga vida. Doce amor.”
Vivo nessa rotina de sofrimento, dor, e alegria.
Vou vivendo assim, buscando por alguém que realmente goste de mim.
Não vejo tanto motivo em viver, minha vida antes de quaisquer coisa é sofrer…
Mas escolhi viver mesmo assim, sei que em algum lugar há felicidade para mim. Lá irei curar as feridas que tanto insiste de ficar em mim… E que eu possa viver ” Doce vida. Doce amor.”

Foi fácil morrer

Vida sombria. Pensamentos obscuros.
Procurando motivos para viver, mas sempre percebe que anda sem rumo.

A lua cheia ilumina o seu caminho… Ouvir os pássaros cantar é muito triste, pois recorda do tempo em que podia- se amar.

Lá estava ela, indo em direção ao seu fim… Seus últimos pensamentos eram de dor, e sem motivação. Afirmo que foi fácil morrer.

O seu fim não foi trágico, nem doído.
Para ela morrer era um alívio, a morte e ela eram melhores amigos.

Autoria: Elizângela Belo

Meu senhor

Óh Senhor, obrigada por nunca desistir de mim, mesmo eu sendo um pecador, tu sempre esteve junto a mim
E todas as vezes que eu caí, tu já estavas ao meu lado com a tua mão estendida para me levantar

Como não te adorar?!
Como não te glorificar, senhor?!
Como não te amar?!

Eu devo tudo a ti
Obrigada por nunca desistir de mim
Tu és o meu salvador
A esperança que dia após dia nasce em mim
Tu és o meu criador

Não é fácil para mim

Não é fácil para mim, guardar algo assim
Vós, com esse jeito espetacular de ser me encantou, mesmo sem saber…
Espero que esse poema não chegue até você.

Esse amor é proibido
Não pode ser vivido
Tentarei te esquecer

Não é fácil para mim, gostar de alguém assim
É triste por vós não poder saber,
Mas será melhor, não para mim!
Mas a vida quis assim
Irei seguir a minha vida sem você